O implante facial com Ácido Hialurônico de origem animal tem por finalidade preencher rugas faciais e periorais, sulcos naturais e lábios (senis e curtos). É material biodegradável e biocompatível (absorvido pelo organismo e não provoca reação alérgica) e faz parte da estrutura da pele de todos os seres animais.

O volume de produto a ser implantado é variável de paciente para paciente. Em média, utiliza-se 1,5 – 2 ml de produto por tratamento, por área tratada.

O produto é de uso exclusivo para o paciente e não há como compartilhar com outras pessoas. A necessidade e indicação de pequenos retoques é dependente da avaliação do médico.

Os pacientes serão tratados com utilização de anestésico tópico. O médico está devidamente habilitado a realizar bloqueio nervoso de nervos faciais com o uso de Lidocaína a 2%.

O medicamento é injetado na derme, subcutâneo ou subperiostal, conforme indicação médica, através de seringa e agulhas já previamente esterilizadas pelo fabricante; ou por cânulas também esterilizadas e descartáveis. O efeito inicial ocorre imediatamente e o volume aplicado para proporcionar o resultado adequado será determinado pelo médico.

Não se deve massagear o local da aplicação (apenas aplicação tênue de gelo) até completar 24hs de tratamento. O paciente deve retornar ao consultório médico após uma e duas semanas para avaliar os resultados.

Se houver necessidade de retoque, este deve ser realizado em até quatro semanas do tratamento inicial.

A durabilidade do tratamento é variável e a literatura médica de referência indica que na maioria dos pacientes há absorção do implante entre seis e nove meses, podendo chegar a 12-15 meses, dependendo da área tratada. Alguns pacientes podem apresentar resultados mais ou menos duradouros e isto não depende do volume ou mesmo da forma de aplicação.

Vídeo explicativo sobre o procedimento:
https://www.youtube.com/watch?v=beqHJMr3DI4